Sinfazfisco – MG
Arquivo

INSS: alíquota menor traz risco

Brasília – Trabalhadores autônomos e donas de casa já têm uma forma mais barata de garantir acesso à aposentadoria paga pela Previdência Social. O plano de contribuição simplificada passou a vigorar em 1º de abril, mas a primeira data de recolhimento vence hoje. Depois, a contribuição é mensal, sempre no dia 15 de cada mês. O pagamento deve ser feito com base em um salário mínimo (R$ 380,00), pela alíquota de 11%. Antes, a alíquota era única, de 20%. A contribuição é de R$ 41,80 (antes era de R$ 76,00). A Previdência espera atrair 3,5 milhões de novos contribuintes com o plano.
Se traz vantagem para o contribuinte, a novidade traz desvantagem para a Previdência, aumentando o déficit das contas no futuro, diz Newton César Conde, da Conde Consultoria Atuarial. “Isso tem claramente o objetivo de melhorar o caixa atual”, resume Conde. Para o consultor de previdência Renato Follador, “o esforço do governo em trazer mais participantes para o sistema é válido, mas é uma faca de dois gumes, porque amplia o rombo previdenciário”. “O governo agiu certo, mas com iniciativa errada.” Follador estima que no futuro o plano acumulará um déficit de R$ 236 bilhões. (AE)

Notícias Relacionadas

DF destaca a prevalência do interesse público sobre o corporativista. E MG, quando isto acontecerá?

integrate

Reforma tributária não é prioridade

integrate

Gestores Fiscais, o FOSSO AUMENTOU

integrate