Sinfazfisco – MG
Arquivo

SINFFAZ NA ALMG

 
No último dia 10, a Presidente do SINFFAZ esteve na ALMG (Assembléia Legislativa de Minas Gerais) em reunião com a Deputada Gláucia Brandão (PPS) e seu Assessor de gabinete José Eustáquio, o Deputado Domingos Sávio (PSDB) e seus Assessores, além do Assessor do Deputado Mauri Torres (PSDB, Líder do Governo), Sabino Fleury, e membros da consultoria dos setores de afeto das Comissões de Constituição e Justiça, Fiscalização Financeira e Orçamentária e Administração Pública da Assembléia.
O objetivo do encontro era colocar o Deputado Domingos Sávio a par das causas dos gestores referentes à disparidade de remuneração e distribuição de funções entre os cargos da Fazenda, além dos critérios desiguais de distribuição da GEPI – que vem se arrastando ao longo dos anos e somente aumenta o fosso de desigualdades entre as categorias -, e sobre a política protecionista da Administração da SEF que insiste em desconsiderar as reivindicações dos gestores e, principalmente, sobre a alteração emergencial necessária no Projeto de Lei 597.
            Um dos principais pontos debatidos na reunião se refere à diferenciação da GEPI entre os cargos da SEF, fiscais e gestores. Segundo Sabino Fleury, essa é uma situação política a ser resolvida pela alta Administração do Governo do Estado. Além de muita conversa, é preciso nesse momento buscar apoio junto às bases aliadas do Governo do Estado para solucionar esse problema. Entretanto, é necessário também um empenho da Direção da SEF em ouvir as reivindicações das categorias envolvidas.
            O Deputado Domingos Sávio se pronunciou recordando que essa discussão em torno dos critérios da GEPI é antiga, e que a grande questão que envolve a luta dos gestores é fazer o Governo entender que a categoria em si tem o seu valor, e que esse precisa ser reconhecido. O Deputado afirmou ainda que o caminho realmente é mais político do que técnico-administrativo, já que os parâmetros de atribuição da GEPI são frágeis.
            O Deputado ainda se dispôs intermediar uma reunião entre o SINFFAZ e o Secretário Simão Cirineu além do vice-governador Antônio Anastasia.
            Já a Deputada Gláucia Brandão – apoio importante que vêm representando a categoria dos gestores junto ao Legislativo – irá marcar uma reunião entre o SINFFAZ e o Deputado Zé Maia (PSDB), Presidente da Comissão Financeira e Orçamentária da ALMG.  O Deputado é responsável pela tramitação do Projeto de Lei nº 597/2007, que altera a Lei 16.190 que estabelece as tabelas de vencimento básico das carreiras do grupo de atividades de Tributação, Fiscalização e Arrecadação, além de estabelecer os limites, a forma e as condições de atribuição da GEPI que serão fixados em decreto.
            A Diretoria do SINFFAZ espera que, através da intermediação dos Senhores Deputados, o sindicato consiga expor suas reivindicações junto à alta cúpula administrativa do Governo do Estado, firmando a busca por uma negociação através de caminhos políticos. Até que isso aconteça, o sindicato continuará realizando outras ações paralelas de mobilização.
 

Notícias Relacionadas

Deputado Dalmo Ribeiro toma posse na ALMG

integrate

Forma de cálculo do ICMS pode permanecer inalterada

integrate

Asseminas reinaugura Salão de Festas

integrate