Sinfazfisco-MG
Arquivo2

Reuniões Regionais demonstram a revolta da categoria

No intuito de dar maior possibilidade de participação aos colegas do interior e visando se aproximar ainda mais de sua base, o SINFFAZFISCO deflagrou um processo de debate sobre os rumos que a categoria quer que o Sindicato adote para a defesa dos seus direitos. A convocação foi amplamente divulgada nos seguintes termos (veja aqui).

Sob a coordenação dos Diretores Regionais, os filiados do SINFFAZFISCO de todo o Estado debateram os assuntos colocados, sendo as discussões muito frutíferas e importantes para mostrar à Diretoria o que fazer, em sintonia com o pensamento da maioria.

Diante dos assuntos discutidos e das sugestões apresentadas pelas regionais, a Diretoria entendeu que a grande maioria da categoria deseja fazer paralisações pontuais do trabalho, dentro da própria repartição.

Assim sendo, em atendimento ao decidido nas reuniões regionais, o Sindicato convoca toda a categoria para:

1) Nos dias previstos para pagamento, caso a parcela prometida não esteja na conta, a categoria deverá adotar as seguintes atitudes:

“Paralisação das atividades das unidades fazendárias”, não devendo ligar os computadores, tampouco realizado qualquer tipo de atendimento, nem mesmo telefônico;

– Cartazes deverão ser afixados nas portas avisando os contribuintes da paralisação por “falta de salário”;

– Os servidores, após registrado seu ponto, se manterão dentro das unidades e promoverão reuniões entre a categoria e as Chefias e SRF’s, mostrando a insatisfação da categoria e registrando o descontentamento com os atrasos;

– A paralisação deve se estender até o dia em que a parcela devida for paga;

2) Nos dias em que não houver previsão de pagamento de parcela salarial, mas em face da não retirada do IPCA do cálculo da GEPI, do pagamento da Ajuda de Custo II e o fim do parcelamento dos salários, deverá ser adotado:

Operação Tartaruga, constante em utilizar o máximo de tempo legalmente previsto para liberar todo e qualquer procedimento. Nada deve ser feito na hora. Tudo deverá ser decidido e encaminhado no último dia legalmente autorizado.

Além disso, também em atendimento ao sentimento de revolta da categoria:

– O Sindicato irá publicar NOTA DE REPÚDIO dirigida ao Secretário e a cúpula da SEF, que será enviada ao Senhor Governador, em face da tomada de partido dessa autoridade e da preferência declarada por uma única categoria em detrimento dos demais servidores do Fisco, bem como do seu tratamento desrespeitoso com o SINFFAZFISCO e seus dirigentes, na medida em que recebe somente um sindicato para tratar de assuntos relativos à categorias as quais tal sindicato não representa (pior, para prejudicá-las), o que é uma afronta.

Outras medidas poderão ser adotadas, enquanto se mantiver a situação de crise no pagamento dos servidores do Fisco se mantiver, o que será publicado oportunamente no site.

A DIRETORIA

Related posts

Gestores de Minas Gerais gravam mensagem para novo Governo

Leandro 4infra

Anteprojeto da LOAT Mineira

Leandro 4infra

NOTA DE REPÚDIO: Aposentados da SEF ainda não receberam seus salários de junho

Leandro 4infra

Leave a Comment