Sinfazfisco – MG
Arquivo

Gestor e economia mineira

Os Gestores têm sido peças fundamentais para a melhora na arrecadação dos tributos estaduais, principalmente, do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços – ICMS. Minas Gerais fechou o ano com R$ 19 bilhões arrecadados, garantindo a 2ª colocação entre os estados com maior recolhimento do Imposto. O campeão de arrecadação foi o estado de São Paulo, com R$ 63 bilhões.
Conforme dados divulgados pela Fazenda, a arrecadação do ICMS, em dezembro de 2007, atingiu a cifra de R$ 1,75 bilhões. No total acumulado no ano, registrou-se 2,6% de superação da meta anual. Em comparação com o ano de 2006, a arrecadação foi 13,8% superior.
O Gestor é responsável por 98% da arrecadação do Estado através da atividade de controle de arrecadação e tributação. O Subsecretário da Receita, Pedro Meneguetti, em entrevista ao Sinffaz, ressaltou a importância do Gestor para esse crescimento da economia mineira. “O Gestor é de extrema importância porque ele é a porta de entrada do contribuinte na Fazenda, tanto no atendimento quanto no apoio à fiscalização”, explica.
Números em elevação
Outras taxas também apresentaram desempenho crescente no ano passado, como é o caso do Imposto sobre Transmissão Causa Mortis e Doação de Quaisquer Bens ou Direitos – ITCD que, no último mês do ano, somou R$ 13,1 milhões, valor 39% maior que o arrecado no mesmo período de 2006. O grupo Outras Receitas também apresentou alta com uma arrecadação de R$ 755 milhões, total 6,4% maior que a meta anual que era de R$ 710 milhões.

Notícias Relacionadas

COMUNICADO DA MOBILIZAÇÃO 03

integrate

Diretoria do SINFFAZ e FEBRAFISCO participam de Audiência Pública da PEC 186 em Santa Catarina

integrate

Gestores Fazendários do Sul de Minas se reunem em Areado

integrate