Sinfazfisco – MG
Arquivo

Gestor e economia mineira

Os Gestores têm sido peças fundamentais para a melhora na arrecadação dos tributos estaduais, principalmente, do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços – ICMS. Minas Gerais fechou o ano com R$ 19 bilhões arrecadados, garantindo a 2ª colocação entre os estados com maior recolhimento do Imposto. O campeão de arrecadação foi o estado de São Paulo, com R$ 63 bilhões.
Conforme dados divulgados pela Fazenda, a arrecadação do ICMS, em dezembro de 2007, atingiu a cifra de R$ 1,75 bilhões. No total acumulado no ano, registrou-se 2,6% de superação da meta anual. Em comparação com o ano de 2006, a arrecadação foi 13,8% superior.
O Gestor é responsável por 98% da arrecadação do Estado através da atividade de controle de arrecadação e tributação. O Subsecretário da Receita, Pedro Meneguetti, em entrevista ao Sinffaz, ressaltou a importância do Gestor para esse crescimento da economia mineira. “O Gestor é de extrema importância porque ele é a porta de entrada do contribuinte na Fazenda, tanto no atendimento quanto no apoio à fiscalização”, explica.
Números em elevação
Outras taxas também apresentaram desempenho crescente no ano passado, como é o caso do Imposto sobre Transmissão Causa Mortis e Doação de Quaisquer Bens ou Direitos – ITCD que, no último mês do ano, somou R$ 13,1 milhões, valor 39% maior que o arrecado no mesmo período de 2006. O grupo Outras Receitas também apresentou alta com uma arrecadação de R$ 755 milhões, total 6,4% maior que a meta anual que era de R$ 710 milhões.

Notícias Relacionadas

Desvio de função no Fisco do Pará gera indenização milionária!

integrate

Presidente do SINFFAZ fala sobre reunião do anúncio da política remuneratória

integrate

Novas ações do Departamento do Jurídico do Sinffaz

integrate