Sinfazfisco – MG
Arquivo

Aécio Neves apresenta Choque de Gestão a prefeitos eleitos

O governador Aécio Neves recebeu nesta quinta-feira (6) os prefeitos eleitos de Natal, Micarla de Sousa (PV) (foto), e de Criciúma, Clésio Salvaro (PSDB), que estiveram em Minas Gerais para conhecer o Choque de Gestão, conjunto de medidas adotadas no Estado desde 2003 e que resultou na reformulação da estrutura administrativa, promoveu o equilíbrio financeiro do Estado e fixou metas para todas as áreas.
“Estamos fazendo um levantamento das ações positivas do governo, principalmente no que diz respeito à estrutura administrativa, principalmente depois do Choque de Gestão. Queremos levar esses pontos, o que deu certo, o que foi feito e o que poderia ser feito de outra forma. Estamos aqui para aprender um pouquinho mais e levarmos todos os dados dessa reforma que pretendemos levar para Natal, a partir desse modelo de Minas”, explicou a prefeita eleita, após a conversa com o governador, pela manhã.
Apesar de afirmar que cada município e estado tem uma realidade diferente, ela explicou que será possível adotar em Natal as boas experiências de Minas Gerais.
“Não adianta simplesmente importar um modelo e achar que é uma receita de bolo. Cada cidade, cada município, cada estado tem uma característica, mas Minas vai ser, com certeza, um padrão que nós pretendemos seguir”, definiu.
Micarla de Sousa, durante sua visita a Minas Gerais, também se reuniu com o vice-governador, Antonio Anastasia, e com a secretária de Planejamento e Gestão, Renata Vilhena.
“O governador Aécio Neves colocou toda a estrutura administrativa de Minas à nossa disposição e está sendo um momento muito rico, momento de aprendizado. Tenho certeza de que vai nos servir e servir muito para que nós possamos levar alguns exemplos positivos para a nossa cidade”, disse.
Criciúma
O prefeito eleito de Criciúma, Clésio Salvaro, esteve no Palácio da Liberdade à tarde para conhecer os detalhes do modelo administrativo de Minas Gerais. O governador explicou a ele que o déficit orçamentário do Estado em 2003 era de R$ 2,4 bilhões e que as medidas adotadas mudaram essa realidade e permitiram que, para 2009, o Governo está prevendo investimentos de R$ 11 bilhões.
“Vamos colocar em prática esse modelo de governo, do Estado para Resultados onde o foco é o cidadão”, destacou.
O Estado para Resultados é a segunda etapa do Choque de Gestão. Nesta etapa, foram firmadas metas e prazos para o desenvolvimento dos programas do Governo de Minas. 
 
Disponível em: https://www.mg.gov.br/portalmg/do/noticias?op=estruturaConteudosSubEstrutura&opMenu=ultimas&pg=1
Acesso Minas Online em 07/11/2008

Notícias Relacionadas

Suspensas decisões do TJ-AM que determinavam pagamento de gratificações a servidores públicos

integrate

Sinffaz negocia a implantação da 3ª Turma de Pós-graduação

integrate

Juiz reduz taxa de juros de consumidor

integrate